Breve Enquadramento Histórico

Os terrenos da freguesia de São Martinho foram desmembrados dos da freguesia de São Pedro no final do século XVI, por alvará régio de 3 de Março de 1579, aquando da segunda instalação dessa última freguesia. À semelhança daquilo que acontece actualmente, os terrenos são parcialmente agrícolas. Nesta freguesia funcionava uma pequena capela construída por Afonso Anes, o hortelão, em homenagem a São Martinho.

A igreja foi sucessivamente ampliada e foi quase reconstruída de raiz em 1735.

Com o aumento da população, no final do século XIX levantava-se um imponente templo, cuja primeira pedra foi lançada a 8 de Julho de 1883, mas os trabalhos só arrancariam no século XX, o que fez com que a Igreja fosse sagrada apenas a 24de Junho de 1918. A partir de 1940, com a transferência do cemitério central da área das Angústias para os terrenos anexos à velha igreja, esta passou a capela funerária.

Os seus terrenos descem até ao mar, estendendo-se entre o Ribeiro Seco e a Ribeira dos Socorridos.

ARMAS

​Escudo de cor púrpura, monte de ouro entre dois pés de cana-de-açúcar de prata, arrancados do mesmo e movente de um pé de ondeado de prata e verde; em chefe, ganso de prata, animado, bicado e sancado de vermelho.

Coroa de mural de prata de três torres. Listel branco com a legenda a negro “S. MARTINHO – FUNCHAL”.

BANDEIRA

De branco, cordões e borlas de prata e púrpura. Haste e lança de ouro

  • A cor púrpura do campo do escudo representa o vinho que está associado às festas celebradas a 11 de Novembro, dia do Orago da freguesia, São Martinho.
  • As canas-de-açúcar de prata, apostas no campo do escudo, evocam a exploração da cana sacarina desde 1579 (inicio da cultura nos terrenos da freguesia).
  • A escolha do Ganso deve-se à ave já estar figurada num livro da Confraria de São Martinho, erecta na igreja desta freguesia, desde 1579.
  • O pé do escudo, ondulado de prata e verde, simboliza o oceano Atlântico que banha a longa orla marítima da freguesia, excelente zona balnear.
  • O monte de ouro representa os peculiares picos arredondados, de São Martinho.
  • A coroa mural de prata com três torres é a que está estabelecida para a categoria de freguesia.

DELIMITAÇÕES

A freguesia de São Martinho faz fronteira com as freguesias de Santo António a Norte, São Pedro e Sé a Este, o concelho de Câmara de Lobos a Oeste e o Oceano Atlântico a Sul.

Descrição pormenorizada: começa, a Norte, no cruzamento do Beco dos Ausentes com o caminho do Pilar, seguindo pelo eixo deste, pelo do caminho do Poço Barral e pelo do caminho das Voltas até à Ribeira dos Socorridos; Sul, o mar; Leste, do Pilar e do eixo deste em direcção ao cruzamento com o Beco dos Ausentes; Oeste, desde a foz da Ribeira dos Socorridos, seguindo a linha de água desta até o cruzamento com o caminho do Pinheiro das Voltas.


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/jfsaoma/public_html/wp-includes/functions.php on line 5420